Menu
Receba novidades no seu email

Imagens do dia

Junho – Mês do pescador

Que nunca finda a maré de pescar... Junho - Mês no pescador. (Foto: Victor Sanches)
Publicado em 14 de junho de 2017 às 10:14 Compartilhar:

27 de Junho de 2017, Terça-feira

 

foto_iasmimamiden-48

D. Maria faz artesanato durante à noite como alternativa de renda (Foto: Iasmim Amiden)

 

 

 

26 de Junho de 2017, Segunda-feira

Que nunca finda a maré de pescar... Junho - Mês no pescador. (Foto: Victor Sanches)

Que nunca finda a maré de pescar… Junho – Mês no pescador. (Foto: Victor Sanches)

 

 

 

 

22 de Junho de 2017, Quinta-feira

 

A bela mandaçaia pantaneira em flor de erva de touro. (Foto: Marcos Wolf)

A bela mandaçaia pantaneira em flor de erva de touro. (Foto: Marcos Wolf)

 

 

20 de Junho de 2017, Terça-feira

Pantanal florido pelo olhar do nosso querido Jaburu (Jocemir Antunes)

 

 

19 de Junho de 2017, Segunda-feira

Ah... o Pantanal! (Foto: André Siqueira)

Ah… o Pantanal! (Foto: André Siqueira)

 

 

 

12 de Junho de 2017, Segunda-feira

Escola iluminada, uma conquista épica na comunidade da Barra do São Lourenço. (Foto: Rozemeri dos Santos)

Escola iluminada, uma conquista épica na comunidade da Barra do São Lourenço. (Foto: Rozemeri dos Santos)

 

 

9 de Junho de 2017, Sexta-feira

Barco chegando em casa adaptada no Pantanal, fazendo frente as cheias. Uma grande conquista para as famílias ribeirinhas! (Foto: Iasmim Amiden)

 

 

de Junho de 2017, Quinta-feira

Diretor-presidente da Ecoa, André Siqueira, durante palestra sobre sustentabilidade na Pestalozzi

 

 

6 de Junho de 2017, Terça-feira

premio_vanessa_spacki

Consultora da Ecoa Vanessa Spacki é homenageada com o Prêmio Ecologia e Ambientalismo

 

 

 

5 de Junho de 2017, Segunda-feira

5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente.

5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente.

 

 

 

31 de Maio de 2017, Quarta-feira

Pôr do sol registrado por Jean Fernandes no Pantanal

 

 

30 de Maio de 2017, Terça-feira

Na região da Serra do Amolar, Vanessa Spacki registra as belezas do ambiente

Na região da Serra do Amolar, Vanessa Spacki registra as belezas do ambiente

 

 

 

29 de Maio de 2017, Segunda-feira

silvia_2016 (706)

A dinâmica populacional das araras é impactada pelas represas nos rios (Foto: Silvia Zanatta)

 

 

 

26 de Maio de 2017, Sexta-feira

tuiuiu-jeanfernandes

Tuiuiús do Pantanal. (Foto: Jean Fernandes)

 

 

25 de Maio de 2017, Quinta-feira

Olhares desconfiados - Os jacarés do Pantanal (Foto: Victor Sanches)

Olhares desconfiados – Os jacarés do Pantanal (Foto: Victor Sanches)

 

 

23 de Maio de 2017, Terça-feira.

Rio Jauru sofre com as represas construídas em sua extensão. (Foto: Rose Mary Araújo)

Rio Jauru sofre com as represas construídas em sua extensão. (Foto: Rose Mary Araújo)

 

 

 

22 de Maio de 2017, Segunda-feira.

Dia do apicultor - 22 de maio. Nesta imagem, a capacitação feita com Associação de ribeirinhos na Barra do São Francisco junto a Embrapa Pantanal, Senar, FEAM/MS e Fundo CASA. (Foto: Vanessa Spacki)

Dia do apicultor – 22 de maio. Nesta imagem, a capacitação feita com Associação de ribeirinhos na Barra do São Francisco junto a Embrapa Pantanal, Senar, FEAM/MS e Fundo CASA. (Foto: Vanessa Spacki)

 

 

 

19 de Maio de 2017, Sexta-feira.

Casa Marechal Rondon no Porto da Manga, MS. (Foto: Victor Sanches)

Casa Marechal Rondon no Porto da Manga, MS. (Foto: Victor Sanches)

 

 

18 de Maio de 2017, Quinta-feira.

Seres belos, pois livres. (Foto: André Siqueira)

Seres belos, pois livres. (Foto: André Siqueira)

 

 

16 de Maio de 2017, Terça-feira.

Vista panorâmica: Usina solar e a comunidade da Barra do São Lourenço (Foto: Iasmim Amiden)

Vista panorâmica: Usina solar e a comunidade da Barra do São Lourenço (Foto: Iasmim Amiden)

 

 

12 de Maio de 2017, Sexta-feira.

Mulheres da Associação Produtiva do Assentamento Bandeirantes (APAB), que fazem parte da CerraPan, em cozinha comunitária construída com o apoio do Fundo Casa.

Mulheres da Associação Produtiva do Assentamento Bandeirantes (APAB), que fazem parte da CerraPan, em cozinha comunitária construída com o apoio do Fundo Casa.

 

9 de Maio de 2017, Terça-feira.

Sombra e reflexo, na região da Serra do Amolar (Foto: Iasmim Amiden)

Sombra e reflexo, na região da Serra do Amolar (Foto: Iasmim Amiden)

 

8 de Maio de 2017, Segunda-feira.

Jocemar Antunes, vulgo Jaburu, nas águas do rio Paraguai. (Foto: Iasmim Amiden)

Jocemar Antunes, vulgo Jaburu, nas águas do rio Paraguai. (Foto: Iasmim Amiden)

 

 

27 de Abril de 2017, Quinta-feira.

Da série: Mulheres de luta - Coletora de isca, com macacão impermeável na comunidade do Porto da Manga. (Foto: Iasmim Amiden)

Da série: Mulheres pantaneiras - Coletora de isca, com macacão impermeável na comunidade do Porto da Manga. (Foto: Iasmim Amiden)

 

 

24 de Abril de 2017, Quinta-feira.

Família em frente à sua nova casa na comunidade da Barra do São Lourenço. (Foto: André Siqueira)

Família em frente à sua nova casa na comunidade da Barra do São Lourenço. (Foto: André Siqueira)

 

 

19 de Abril de 2017, Quarta-feira.

Piraputangas-rio-Sucuri

As belezas naturais também estão debaixo d’água. As piraputangas no rio Sucuri, por Paulo Robson.

 

 

18 de Abril de 2017, Terça-feira.

Colheita de arroz na região da Serra do Amolar. Dona Leonora e marido pelas lentes de Sergio Marques.

Colheita de arroz na região da Serra do Amolar. Dona Leonora e marido pelas lentes de Sergio Marques.

 

 

17 de Abril de 2017, Segunda-feira.

reflexos-vanessa

Reflexos, na região da Serra do Amolar. Foto: Vanessa Spacki

 

 

13 de Abril de 2017, Quinta-feira.

As infinidades de tons de cinza no rio Paraguai. Foto: Bruno Pasello

As infinidades de tons de cinza no rio Paraguai. Foto: Bruno Pasello

 

12 de Abril de 2017, Quarta-feira.

Águas cristalinas na Baia do Cervo, Paraguai Mirim. Foto: Vanessa Spacki

Águas cristalinas na Baia do Cervo, Paraguai Mirim. Foto: Vanessa Spacki

 

 

11 de Abril de 2017, Terça-feira.

Fotografia é a arte que transcende o tempo e transforma o olhar rotineiro. Foto: Jean Fernandes

Fotografia é a arte que transcende o tempo e transforma o olhar rotineiro. Foto: Jean Fernandes

 

 

10 de Abril de 2017, Segunda-feira.

A bela composição de elementos pelas lentes do nosso diretor-presidente André Siqueira, indicam que novidades estão a caminho

A bela composição de elementos pelas lentes do nosso diretor-presidente André Siqueira para indicar que novidades estão a caminho

 

7 de Abril de 2017, Sexta-feira.

cobra-leonida

Notam uma invasora na foto? Flagra pela Leonida, no Parque Nacional do Pantanal Mato-Grossense

 

 

6 de Abril de 2017, Quinta-feira.

Às margens do rio Paraguai, o silêncio das formas e das cores. Foto: Iasmim Amiden

Às margens do rio Paraguai, o silêncio das formas e das cores. Foto: Iasmim Amiden

 

 

5 de Abril de 2017, Quarta-feira.

Na região da Serra do Amolar, o encanto da natureza aos olhos de Leonida Aires de Souza (Elaine)

Na região da Serra do Amolar, o encanto da natureza aos olhos de Leonida Aires de Souza (Elaine)

 

 

30 de Março de 2017, Quinta-feira.

Museu Marechal Rondon no Porto da Manga, na obra de Apres Gomes. Com ele, o fotógrafo e jornalista Jean Fernandes, responsável pela imagem original reproduzida no quadro.

Museu Marechal Rondon no Porto da Manga, às margens do rio Paraguai, na obra de Apres Gomes (à direita na foto). Com ele, o fotógrafo e jornalista Jean Fernandes, responsável pela imagem original reproduzida no quadro.

 

 

16 de Março de 2017, Quinta-feira.

Coletora de iscas de Porto Da Manga/MS. Imagem: Arquivo Ecoa

Coletora de iscas de Porto Da Manga/MS. Imagem: Arquivo Ecoa

 

 

15 de Março de 2017, Quarta-feira.

Ribeirão. Coxim-MS

Ribeirão. Coxim-MS

 

10 de Março de 2017, Sexta – feira.

Rio Paraguai. Imagem: Vanessa Spacki

Rio Paraguai. Imagem: Vanessa Spacki

9 de  Março de 2017, Quinta – feira.

O nosso 8 de Março foi assim. Imagem: Suelen Sandim

O nosso 8 de Março foi assim. Imagem: Suelen Sandim

 

 

7 de Março de 2017, Terça – feira.

Furnas do Dionísio. Imagem: Vanessa Spacki

Furnas do Dionísio. Imagem: Vanessa Spacki

 

 

 

2 de Março de 2017, Quinta-feira.

Resiliência no Cerrado. Imagem: Vanessa Spacki

Resiliência no Cerrado. Imagem: Nathália Eberhardt

 

 

24 de Fevereiro de 2017, Sexta- feira.

Ponte sobre o rio Taquari. Imagem: Vanessa Spacki

Ponte sobre o rio Taquari. Imagem: Vanessa Spacki

 

 

 

23 de Fevereiro de 2017, Quinta-feira.

Pescado de hoje, caranguejos. Imagem: Vanessa Spacki

Pescado de hoje, caranguejos. Imagem: Vanessa Spacki

 

22 de Fevereiro de 2017, Quarta-feira.

Consultoras do projeto "Clima II" entrevistam pantaneiro sobre eventos climáticos na região da Serra do Amolar.

Consultoras do projeto “Clima II” entrevistam pantaneiro sobre  os eventos climáticos na região da Serra do Amolar. Imagem: Ademir Marques

 

20 de Fevereiro de 2017, Segunda-feira.

Registro da estrada na região de Santo Antonio do Leverger (MT). Imgem: Leidiane Nascimeno

Registro da estrada na região de Santo Antonio do Leverger (MT). Imgem: Leidiane Nascimeno

 

17 de Fevereiro de 2017, Sexta-feira.

Antiga estação ferroviária  de Piraputanga.

Antiga estação ferroviária de Piraputanga – MS. Foto: Vanessa Spacki.

15 de Fevereiro de 2017, Quarta-feira.

 

Criatividade pantaneira

Criatividade pantaneira. Foto Vanessa Spacki

 

13 de Fevereiro de 2017, Segunda-feira.

Consultoras  com a colônia de pescadores de Anastácio.

Consultoras com a colônia de pescadores de Anastácio- MS.

 

 

 

10 de Fevereiro de 2017, Sexta-feira.

Ribeirão nos arredores de Coxim - MS. Foto: Vanessa Spacki

Ribeirão nos arredores de Coxim – MS. Foto: Vanessa Spacki

 

 

 

9 de Fevereiro de 2017, Quinta-feira.

 Ponte da linha férrea sobre o rio Miranda.  Miranda-MS. Foto: Vanessa Spacki

Ponte da linha férrea sobre o rio Miranda.
Miranda-MS. Foto: Vanessa Spacki

 

8 de Fevereiro de 2017, Quarta- feira.

Pescadores de Paraguai-mirim.  Foto: Vanessa Spacki

Pescadores de Paraguai-mirim, a 140Km de Corumbá-MS . Foto: Vanessa Spacki

 

 

7 de Fevereiro de 2017,  Terça – feira.

CIMG5550

Pôr do Sol pantaneiro. Foto: Ademir

 

 

 

 

3 de Fevereiro de 2017, Sexta-feira.

Pegadas sobre a ponte . Foto: Vanessa Spacki

Pegadas sobre a ponte . Foto: Vanessa Spacki

 

 

 

2 de Fevereiro de 2017, Quinta-feira.

Rio Paraguai. Foto: Vanessa Spacki

Rio Paraguai. Foto: Vanessa Spacki

 

 

1 de Fevereiro de 2017, Quarta-feira.

 

 

 

31 de Janeiro de 2017, Terça- feira.

Porto de Exportação de Porto Murtinho - MS. Foto: Vanessa Spacki

Porto de Exportação de Porto Murtinho – MS. Foto: Vanessa Spacki

 

 

 

 

30 de Janeiro de 2017, Segunda-feira.

Reunião na Colôniza Z18 em  Anastácio para levantamento de dados do Projeto de Prevenção, Mitigação e  Adaptação a Impactos de Eventos Climáticos Extremos. Foto:Vnessa Spacki

Reunião na Colôniza Z18 em Anastácio para levantamento de dados do Projeto de Prevenção, Mitigação e Adaptação a Impactos de Eventos Climáticos Extremos. Foto:Vanessa Spacki

 

 

 

 

 

27 de Janeiro de 2017, Sexta-feira.

Consultora da Ecoa realizando levantamento do Plano de Prevenção, Mitigação e Adaptação a Impactos de Eventos Climáticos Extremos. Imagem: Nathália Eberhardt

Consultora da Ecoa realizando levantamento no Rio Aquidauana. Esta ação faz parte do Plano de Prevenção, Mitigação e Adaptação a Impactos de Eventos Climáticos Extremos. Imagem: Nathália Eberhardt

 

 

26 de Janeiro de 2017, Quinta-feira.

Abanico de Carandá - ao fundo, o Carandazal robusto.

Abanico de Carandá – ao fundo, o Carandazal robusto. Foto: Nathália Eberhardt

 

25 de Janeiro de 2017, Quarta-feira.

 

Indiazinha Ayoreo na aldeia beira Rio Guida Ichai.

Indiazinha Ayoreo na aldeia beira Rio Guida Ichai. Imagem: Nathália Eberhardt

 

24 de Janeiro de 2017, Terça- feira.

A bela sombra do Para- tudo. Foto: Vanessa Spack

A bela sombra do para- tudo. Foto: Vanessa Spack

 

 

23 de Janeiro de 2017, Segunda- feira.

Depois de um banho, um pouco de sol.  Capivaras  de Porto Murtinho. Imagem: Vanessa Spacki

Depois de um banho, um pouco de sol. Capivaras de Porto Murtinho- MS. Imagem: Vanessa Spacki

 

20 de Janeiro de 2017, Sexta-feira.

Embarcação da colônia de pescadores Z5 de Barão de Melgaço - MT. Foto: Vanessa Spaki

Embarcação da colônia de pescadores Z5 de Barão de Melgaço – MT. Foto: Vanessa Spaki

 

19 de Janeiro de 2017, Quinta-feira.

Abricó de Macaco. Foto: Nathália Eberhardt

Abricó de Macaco. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

 

17 de Janeiro de 2017, Terça-feira.

Visita  que o pessoal da colônia de pescadores de Anastácio/MS recebeu hoje.

Visita que o pessoal da colônia de pescadores de Anastácio/MS recebeu hoje.

 

 

16 de Janeiro de 2017, Segunda- Feira.

Antonio_bororo_Pantanalzinho_Barão5

Antônio Soares, índio Bororo de 77 anos, que vive em Acorizal, Pantanalzinho, as proximidades do município de Barão de Melgaço, ao Sul de Mato Grosso. Foto: Nathália Eberhardt.

 

 

12 de Janeiro de 2017, Quinta-feira.

Registro feito por moradores no Rio Jauru em Mato Grosso, após o fechamento das barragens.

Registro feito por moradores no Rio Jauru em Mato Grosso, após o fechamento das barragens.

11 de Janeiro de 2017, Quarta-feira.

 

Sr. João, pescador de Barão de Melgaço - MT , exibindo orgulho a matéria  sobre um documentário feito na região.

Sr. João, pescador de Barão de Melgaço – MT , exibindo orgulhoso a matéria sobre um documentário feito na região. Foto: Nathália Eberhardt

10 de Janeiro de 2017, Terça – feira.

rio_jauru_indiavia1

Equipe Ecoa no Rio Jauru em sua última visita a Indiavaí. Foto: Vanessa Spacki

 

16 de Dezembro, Sexta-feira.

Sr. Chico do Boi, morador da comunidade de pescadores de Indiavaí.

Sr. Chico do Boi, morador da comunidade de pescadores de Indiavaí. Foto: Vanessa Spacki.

 

 

14 de Dezembro, Quarta-feira.

Rio Cuiabá e seus bancos de areia. Foto: Vanessa Spacki

Rio Cuiabá e seus bancos de areia. Foto: Vanessa Spacki

 

 

 

 

13 de Dezembro, Terça- feira.

Barão de Belgaço - MT . Foto: @Ecoa

Barão de Belgaço – MT . Foto: @Ecoa

 

 

12 de Dezembro, Segunda- feira.

Encontro do rio Paraguai com o rio dos Bugres na parte alta da Bacia do Alto Paraguai. Foto: André Siqueira.

Encontro do rio Paraguai com o rio dos Bugres na parte alta da Bacia do Alto Paraguai em Barra dos Bugres- MT. Foto: André Siqueira.

 

 

9 de Dezembro, Sexta- feira.

Embarcação no Porto de Corumbá- MS

Embarcação no Porto de Corumbá- MS. Imagem: Silvia Zanatta

8 de dezembro, Quinta-feira. 

Porto de Corumbá- MS. Foto: Nathália Eberhardt

Porto de Corumbá- MS. Foto: Nathália Eberhardt

3 de Dezembro, Segunda- feira.

João de Barro. Foto: Nathália Eberhardt

João de Barro. Foto: Nathália Eberhardt

 

2 de Dezembro, Sexta-feira.

Capacitação dos ribeirinhos para produção racional de mel.

Capacitação para produção racional do mel dos ribeirinhos na comunidade do São Francisco, localizada a montante da cidade de Corumbá. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

30 de Novembro, Quarta- feira.

Imagem: Nathália Eberhardt

Baru. Imagem: Nathália Eberhardt

 

 

 

29 de Novembro, Terça-feira.

Imagem: Nathália Eberhardt

Imagem: Nathália Eberhardt

 

 

 

28 de Novembro, Segunda-feira.

Vamos brincar? Foto: Nathália Eberhardt

Vamos brincar? Foto: Nathália Eberhardt

25 de Novembro, Sexta – feira.

Margem do Rio Paraguai. Foto: Nathália Eberhardt

Margem do Rio Paraguai. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

 

24 de Novembro, Quinta- feira

Rio Paraguai e seu espelho D'água. Foto: Vanessa Spaki

Rio Paraguai e seu espelho D’água. Foto: Vanessa Spaki

23 de Novembro, Quarta-feira.

Tabebuia alba mostrado sua grandeza.

Tabebuia aurea mostrado sua grandeza. Foto: Nathália Eberhardt

 

22 de Novembro, Terça-feira.

D. Edil comercializando os produtos da CerraPan no Festival América do Sul Pantanal.

D. Edil comercializando os produtos da CerraPan no Festival América do Sul Pantanal.

 

21 de Novembro, Segunda-feira.

Construção da comunidade de Porto Esperança. Corumbá-MS

Construção da comunidade de Porto Esperança. Corumbá-MS.Foto: Nathália Eberhardt

 

18 de Novembro, Sexta- feira.

Área onde será construído o porto da Colônia de Pescadores Z18  em Anastácio/MS.

Área onde será construído o porto da Colônia de Pescadores Z18 em Anastácio/MS. Foto: Vanessa Spacki

 

 

17 de Novembro, Quinta-feira.

Morador da cmunidade Maria Coelho em Corumbá-MS processando a Bocaiuva. Foto: Nathália Eberhardt

Morador da comunidade Maria Coelho em Corumbá-MS processando a Bocaiuva. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

16 de Novembro, Quarta-feira.

 

Alguns dos produtos comercializados pelas mulheres da CerraPan no Festival américa do Sul Pantanal. Imagem: Edil

Alguns dos produtos comercializados pelas mulheres da CerraPan no Festival América do Sul Pantanal. Imagem: Edil Oliveira

 

 

14 de Novembro, Segunda-feira.

Mulheres da Cerrapan participando do 13° Festival América do Sul Pantanal que está acontecendo em Corumbá-MS. Foto: Denise Silva

Mulheres da Cerrapan participando do 13° Festival América do Sul Pantanal que está acontecendo em Corumbá-MS. Foto: Denise Silva

 

11 de Novembro, Sexta-feira.

criancas

Crianças brincando de “bolita” na comunidade de Porto Esperança. Corumbá-MS. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

 

10 de Novembro, Quinta- feira.

Prancha de Stand UP produzida no Pantanal pelo Sr. nênê (ao fundo). Foto: Vanessa Spacki

Prancha de Stand UP produzida no Pantanal pelo Sr. nênê (ao fundo). Foto: Vanessa Spacki

 

 

 

09 de Novembro, Quarta- feira.

 

Museu Marechal Rondom- Antiga casa do telégrafo na comunidade do Porto da Manga - Estrada Parque Pantanal/MS.

Museu Marechal Rondon, antiga casa do telégrafo na comunidade do Porto da Manga – Estrada Parque Pantanal/MS.

 

 

08 de Novembro, Terça-feira.

 

Porto da Vale ao lado da comunidade de Porto Esperança. Foto: Nathália Eberhardt

Porto da Vale ao lado da comunidade de Porto Esperança. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

07  de Novembro, Segunda-feira.

 

Bocaiuva. Foto: Nathália Eberhardt

Bocaiuva. Foto: Nathália Eberhardt

04 de Novembro, Sexta-feira.

Flamboyant (Delonix regia). Foto: Nathália Eberhardt

Flamboyant (Delonix regia). Foto: Nathália Eberhardt

 

03 de Novembro,Quinta-feira.

 

Duas das esculturas de Tércio Mussato.

Duas das esculturas de Tércio Mussato.

 

01 de Novembro, Terça- feira.

 

A bacia do rio Taquari e os rios formadores. Em azul o leque aluvial, no Pantanal.

A bacia do rio Taquari e os rios formadores. Em azul o leque aluvial, no Pantanal. Imagem: MPF/MS

 

31 de Outubro, Segunda-feira.

 

Búfalos tomando banho no Rio Paraguai.  Foto; Nathália Eberhardt

Búfalos tomando banho no Rio Paraguai. Foto; Nathália Eberhardt

 

 

 

28 de Outubro, Sexta-feira.

 

 

27 de Outubro, Quinta-feira.

Uma borda do Pantanal e o desmatamento até o limite. Foto: Alcides Faria

Uma borda do Pantanal e o desmatamento até o limite. Foto: Alcides Faria

26 de Outubro, Quarta-feira.

 

Um processo de formação de uma voçoroca na Alta bacia do rio Taquari, em MS. O desmatamento e a fragilidade dos solos como causas.Foto Alcides Faria, 2010.

Um processo de formação de uma voçoroca na Alta bacia do rio Taquari, em MS. O desmatamento e a fragilidade dos solos como causas.Foto Alcides Faria, 2010.

 

25 de Outubro, Terça- feira.

Brincadeira de criança em Porto Esperança. Foto: Nathália Eberhardt

Brincadeira de criança em Porto Esperança. Corumbá- MS Foto: Nathália Eberhardt

 

 

 

24 de Outubro, Segunda-feira.

 

Pescador no Rio Paraguai.  Corumbá-MS

Pescador no Rio Paraguai. Corumbá-MS

21 de Outubro, Sexta-feira.

 

"Jack" em seu passeio matinal nos arredores de Porto Esperança. Corumbá-MS. Foto: Nathália Eberhardt.

“Jack” em seu passeio matinal nos arredores de Porto Esperança. Corumbá-MS. Foto: Nathália Eberhardt.

 

 

 

 

20 de Outubro, Quinta-feira.

Pescador alimentando os gatinhos no Rio Paraguai.

Pescador alimentando os gatinhos no Rio Paraguai. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

19 de Outubro, Quarta- feira.

 

Região que divide Porto Esperança do Porto da Vale. A direita estão construções da época da ferrovia, onde hoje vivem moradores do Porto Esperança, e a esquerda, depois da cerca, o Porto da Vale.

Região que divide Porto Esperança do Porto da Vale. A direita estão construções da época da ferrovia, onde hoje vivem moradores do Porto Esperança, e a esquerda, depois da cerca, o Porto da Vale. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

17  de Outubro, Segunda-feira.

 

Sr. Jaburu conferindo o pilão produzido na região do Paraguai Mirim.

Sr. Jaburu conferindo o pilão produzido na região do Paraguai Mirim. Corumbá- MS.

 

 

14 de Outubro, Sexta-feira.

 

Crianças da comunidade São Francisco. Corumbá-MS

Crianças da comunidade São Francisco. Corumbá-MS. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

13 de Outubro, Quinta-feira.

 

Tarumã em todo seu esplendor. Serra do Amolar. Corumbá-MS

Tarumã em todo seu esplendor. Serra do Amolar. Corumbá-MS. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

10 de Outubro, Segunda-feira.

 

 

Amanhecer no Paraguai mirim

Amanhecer no Paraguai mirim. Corumbá – MS. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

 

 

07 de Outubro, Sexta-feira.

Consultora em Biologia Vanessa e o nosso consultor em Apicultura Ademir realizando lvantamento do potencial apícula do Aterro do Binega. - Serra do Amolar. Foto: Nathália Eberhardt

Consultora em Biologia Vanessa e o nosso consultor em Apicultura Ademir realizando levantamento do potencial apícula do Aterro do Binega. – Serra do Amolar. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

06 de Outubro, Quinta-feira.

Serra do Amolar. Corumbá -MS. Foto: Nathália Eberhart

Serra do Amolar. Corumbá -MS. Foto: Nathália Eberhardt

 

05 de Outubro, Quarta- feira.

Baia do Castelo. Foto: Nathália Eberhardt

Baia do Castelo. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

 

 

04 de Outubro, Terça- Feira.

João ouvindo a Terra. Foto: Nathália Eberhardt

João “escutando” a Terra. Comunidade São Francisco- Corumbá/Pantanal . Foto: Nathália Eberhardt

 

 

 

03 de Outubro, Segunda – Feira.

 

Sr. Jacaré da comunidade Porto Amolar, descascando bocaíuva para pescar. Foto: Vanessa Spacki

Sr. Jacaré da comunidade Porto Amolar, descascando bocaiuva para pescar. Foto: Nathália Eberhardt

 

 

 

29 de Setembro, Quinta-feira.

 

Vida plena no rio Paraguai Mirim. Foto: Vanessa Spacki

Vida plena no rio Paraguai Mirim. Foto: Vanessa Spacki

28 de Setembro, Quarta-feira.

Aranha predando a abelha polinizadora. Veja nota na imagem.

Aranha predando a abelha polinizadora. Foto: Vanessa Spacki.

Nota: A aranha da foto é do Gênero Misumena, pertencente a família Thomisidae, e conhecida popularmente como formiga caranguejo-das-flores, por possuir as patas dianteiras maiores que as demais. Ela ataca e mata os polinizadores que visitam as flores, como a abelha da foto.

 

27 de Setembro, Terça-feira.

Rio Paraguai - Mirim . Foto: Vanessa Spaki

Rio Paraguai – Mirim . Foto: Vanessa Spaki

 

 

26 de Setembro, segunda- feira.

Uma bela construção nas águas do Pantanal.  Foto: Vanessa Spacki

Uma bela construção nas águas do Pantanal. Foto: Vanessa Spacki

 

 

23 de Setembro, sexta-feira.

 

Matéria prima do curso de produção de geleia de Bocaiuva.

Matéria-prima do curso de produção de geleia de Bocaiuva. Foto: Vanessa Spacki

 

22  de Setembro, quinta-feira.

Bem - vinda primavera! Ipê Rosa Foto: Emmly Ernesto

Ipê Rosa . Foto: Emmly Ernesto

 

 

21 de Setembro, quarta-feira.

Cerrado e suas sementes. Foto: Lu Bigatão

Cerrado e suas sementes. Foto: Lu Bigatão

 

20 de Setembro, terça-feira.

A festa das aves chegando no Pantanal, nas margens da BR-262, entre Miranda e Corumbá.

A festa das aves chegando no Pantanal, nas margens da BR-262, entre Miranda e Corumbá.

19 de Setembro, segunda-feira.

Feira de Ciências em colégio do Rio de Janeiro sobre Movimentos Ambientais.

Feira de Ciências em colégio do Rio de Janeiro sobre Movimentos Ambientais. Foto: Priscila Gomes

16 de Setembro, sexta-feira.

Mulheres pantaneiras na produção de geleia de Bocaiuva.

Mulheres pantaneiras na produção de geleia de Bocaiuva. Foto: Vanessa Spaki

 

15 de Setembro, quinta-feira.

Pôr do sol pantaneiro. Foto: Leonilda Aires

Pôr do sol pantaneiro. Foto: Leonilda Aires

 

14 de Setembro, quarta-feira.

Pescador no Rio Aquidauana. Foto: Colônia Z18

Pescador no Rio Aquidauana. Foto: Colônia Z18

 

13 de Setembro, terça-feira.

Onça Pintada avistada a margem do Rio Aquidauana. Foto: Jarnison Colônia Z18

Onça Pintada avistada a margem do Rio Aquidauana. Foto: Jarnison Colônia Z18

 

12 de Setembro, segunda-feira.

 

Sementes Aladas do Cerrado. Foto: Lu Bigatão

Sementes aladas do Cerrado. Foto: Lu Bigatão

08 de Setembro, quinta-feira

Foto: André Siqueira

Foto: André Siqueira

05 de Setembro, segunda-feira

Praia de Waikiki. Foto: André Siqueira

Pôr do sol na praia de Waikiki. Foto: André Siqueira

 

02 de Setembro, sexta- feira

 

Hawaii André

Foto: André Siqueira

 

30 de Agosto, terça-feira.

Usina7

Maquinário fabricado em Paris para a Usina Assucareira de Miranda – MS no ano de 1883. Foto: Vanessa Spacki

 

 

 

23 de Agosto, terça-feira.

Saúva na Serra de Maracaju

Saúva na Serra de Maracaju. Foto: Suelen Sandim

 

A saúva pode levantar 14 vezes o seu peso, o que equivaleria a uma pessoa de 70 quilos carregar quase uma tonelada. Também percorre cerca de 1 quilômetro por dia e isso para um humano, proporcionalmente ao seu tamanho, seria como percorrer mais de 1.700 quilômetros.

 

22 de Agosto, segunda-feira.

Imagem: Paulo Robson de Souza

Imagem: Paulo Robson de Souza

 

05 de Agosto, sexta-feira.

Moradora colhendo Laranjinha de Pacu para produção de Geléia em Porto da Manga. Foto: Nathália Ziê

Moradora colhendo Laranjinha de Pacu para produção de Geléia em Porto da Manga. Foto: Nathália Ziê

 

 

27 de julho, quarta-feira.

WhatsApp-Image-20160727 (4)

Exuberância da paisagem da Estrada Parque Pantanal. Foto: Nathalia Ziê.

 

26 de julho, terça-feira.

Alunos da unidade do Paraguai Mirim. Foto: Arquivo Escolas das Águas

Alunos da unidade do Paraguai Mirim. Foto: Arquivo Escolas das Águas

25 de julho, segunda-feira.

22 de julho, sexta-feira.

O Pantanal chama a atenção pela beleza de sua fauna e flora. Uma região que precisa ser conservada. Foto: jean Fernandes Jr.

O Pantanal chama a atenção pela beleza de sua fauna e flora. Uma região que precisa ser conservada. Foto: jean Fernandes Jr.

21 de julho, quinta-feira.

Coleta de iscas. Fonte de renda de muitas famílias pantaneiras. Foto: Ministério Público do Trabalho (MPT/MS).

Coleta de iscas. Fonte de renda de muitas famílias pantaneiras. Foto: Ministério Público do Trabalho (MPT/MS).

20 de julho, quarta-feira.

Árvores de ipês às margens do rio Paraguai, deixam a paisagem aind amais bonita. Foto: Arquivo/Ecoa

Árvores de ipês às margens do rio Paraguai, deixam a paisagem ainda mais bonita. Foto: Arquivo/Ecoa

19 de julho, terça-feira.

Festa de São Pedro na comunidade da Barra do rio São Lourenço com música, comida e muitas histórias. Foto: Silvia Santana Zanatta.

Festa de São Pedro na comunidade da Barra do rio São Lourenço com música, comida e muitas histórias. Foto: Silvia Santana Zanatta.

18 de julho, segunda-feira.

Período de cheia no Pantanal. Casas na comunidade do Porto da Manga são de palafitas. Foto: arquivo/Ecoa

Período de cheia no Pantanal. Casas na comunidade do Porto da Manga são de palafitas. Foto: arquivo/Ecoa

15 de julho, sexta-feira.

IMG_0853

14 de julho, quinta-feira.

Pesquisadores avaliam os dados obtidos pelo Sistema de Controle da Pesca de MS.

Pesquisadores avaliam os dados obtidos pelo Sistema de Controle da Pesca de MS. Foto: Embrapa Pantanal

13 de julho, quarta-feira.

Projeto Ciência Cidadã é considerado exemplo em texto da Universidade de São Paulo. Foto: Divulgação.

Projeto Ciência Cidadã é considerado exemplo em texto da Universidade de São Paulo. Foto: Divulgação.

12 de julho, terça-feira.

 

O consultor técnico João Lucas da Costa de Almeida mapeia as áreas de APP (Foto: André Siqueira/Ecoa)

O consultor técnico João Lucas da Costa de Almeida mapeia as áreas de APP. Iniciativa do Projeto Ciência Cidadã. (Foto: André Siqueira/Ecoa)

11 de julho, segunda-feira.

Cachoeira em área do Parque Nacional da Serra da Bodoquena (Foto: Nathaly Feitosa/MPF)

Cachoeira em área do Parque Nacional da Serra da Bodoquena (Foto: Nathaly Feitosa/MPF)

08 de julho, sexta-feira.

Pescador no rio Paraguai. Foto: Jean Fernandes

Pescador no rio Paraguai. Foto: Jean Fernandes

07 de julho, quinta-feira.

Imagem aérea do Pantanal. Foto: MARKUS MAUTHE, LAIF/REDUX

Imagem aérea do Pantanal. Foto: MARKUS MAUTHE, LAIF/REDUX

06 de julho, quarta-feira.

Geleia de laranjinha-depacu, produto feito pela Associação de Mulheres Extrativistas do Porto da Manga. Foto: Vanessa Spacki

Geleia de laranjinha-depacu, produto feito pela Associação de Mulheres Extrativistas do Porto da Manga. Foto: Vanessa Spacki

05 de julho, terça-feira.

Inauguração da cozinha comunitária da Associação de Mulheres Estrativistas do Porto da Manga. Foto: Vanessa Spacki

Inauguração da cozinha comunitária da Associação de Mulheres Extrativistas do Porto da Manga. Foto: Vanessa Spacki

04 de julho, segunda-feira.

Setor de energia limpa deve gerar mais de 800 mil empregos até 2020. Foto: divulgação

Setor de energia limpa deve gerar mais de 800 mil empregos até 2020. Foto: divulgação

30 de junho, quinta-feira.

Hoje, ao invés de uma imagem do dia, colocaremos um “vídeo do dia”. Clique e assista “Bird’s Eye View of Catastrophic Toxic Mine-Waste Spill in Brazil”, sobre o desastre ambiental de Mariana, em Minas Gerais, publicado pelo site ecowatch.com. Clique AQUI e acesse o texto (em inglês) na íntegra.

29 de junho, quarta-feira.

Áreas Prioritárias para a Conservação, Utilização Sustentável e Repartição dos Benefícios da Biodiversidade nos biomas Caatinga, Cerrado e Pantanal. Fonte: MMA

Áreas Prioritárias para a Conservação, Utilização Sustentável e Repartição dos Benefícios da Biodiversidade nos biomas Caatinga, Cerrado e Pantanal. Fonte: MMA

28 de junho, terça-feira.

Colônia de Pescadores (Z18) de Anastácio – MS, promoveu no dia 26 de junho, mutirão de limpeza dos Rios Aquidauana e Taquarussu. Foto: Colônia de Pescadores Z18

Colônia de Pescadores (Z18) de Anastácio – MS, promoveu no dia 26 de junho, mutirão de limpeza dos Rios Aquidauana e Taquarussu. Foto: Colônia de Pescadores Z18

27 de junho, segunda-feira.

Colônia de Pescadores (Z18) de Anastácio – MS, promove mutirão de limpeza dos Rios Aquidauana e Taquarussu. Foto: Colônia de Pescadores Z18

Colônia de Pescadores (Z18) de Anastácio – MS, promoveu no dia 26 de junho, mutirão de limpeza dos Rios Aquidauana e Taquarussu. Foto: Colônia de Pescadores Z18

24 de junho, sexta-feira.

serra-do-amolar17

Pescador às margens do Rio Paraguai, no Pantanal. Foto: Arquivo Ecoa

23 de junho, quinta-feira.

Enir Índia, primeira cacique mulher de MS, falecida no dia 21 de junho, durante sessão na Assembleia Legislativa, em abril deste ano. (Foto: Wagner Guimarães/ALMS)

Enir Índia, primeira cacique mulher de MS, falecida no dia 21 de junho, durante sessão na Assembleia Legislativa, em abril deste ano. (Foto: Wagner Guimarães/ALMS)

22 de junho, quarta-feira.

 

Base da Ecoa na comunidade pantaneira do Porto da Manga. Foto: arquivo

Base da Ecoa na comunidade pantaneira do Porto da Manga, durante período de cheia no Pantanal. Foto: arquivo

21 de junho, terça-feira.

Foto: Melissa Maurer / O Caminho do Cerrado.

Foto: Melissa Maurer / O Caminho do Cerrado.

17 de junho, sexta-feira.

Serra do Amolar vista do rio São Lourenço. Foto: Arquivo.

Serra do Amolar vista do rio São Lourenço. Foto: Arquivo.

16 de junho, quinta-feira.

No Pantanal animais sofrem com a cheia (2014). Foto: André Luiz Siqueira / ECOA.

No Pantanal animais sofrem com a cheia (2014). Foto: André Luiz Siqueira / ECOA.

15 de junho, quarta-feira.

No Pantanal animais sofrem com a cheia (2014). Foto: André Luiz Siqueira / ECOA.

No Pantanal animais sofrem com a cheia (2014). Foto: André Luiz Siqueira / ECOA.

14 de junho, terça-feira.

Criação de abelhas do Pantanal. Foto: Andre Siqueira / Maio de 2016.

Criação de abelhas do Pantanal. Foto: Andre Siqueira / Maio de 2016.

 

 

Imagens da semana de 06 a 10 de junho de 2016.

—————————————————————————————————————————-

 

03 de junho, quinta-feira.

 

pantanal

Em primeiro plano duas “estrelas” do nosso site: o piloteiro Jaburu e Kirsten, a estagiária da Nova Zelândia, em viagem na semana passada para comunidades na região da serra do Amolar.

 Kirsten Erikson, da Nova Zelândia, a nova estagiária da Ecoa.

Jaburu, o cara das águas do rio Paraguai.

 

 

________________________________________________________________________________________

 

+ IMAGENS

 

02 de junho, quinta-feira.

 

O rio Tocantins secando, acabando, morrendo.

O rio Tocantins secando, acabando, morrendo.

 

30 de maio, segunda-feira.

arroz-pantanal (1)

Pesquisadores colhem arroz nativo do Pantanal.

arroz-pantanal (2)

27 de maio, sexta-feira.

25 de maio, quarta-feira.

DSC_0086 DSC_0087 DSC_0326 DSC_0328 DSC_0330 DSC_0339

Rio da Prata - imagem NASA

Rio da Prata – imagem NASA

24 de maio, terça-feira.

imagem-dia-viagem-mel-1

André Siqueira, diretor presidente; o pesquisador da Embrapa Vanderlei dos Reis e Gustavo Bijos saem de Corumbá e viajam até comunidades da Serra do Amolar. A viagem é parte do processo de capacitação de famílias pantaneiras para a apicultura. Participa também a estagiária da Nova Zelândia, Kirsten Erikson.

Saiba mais: 

Mel no Pantanal – para quando a primavera chegar

Comunidade São Francisco prepara colmeias para produção de mel

f8a400f6-da8b-4a2f-9a5e-dd89a48a3f71

 

Saiba mais: Kirsten Erikson, da Nova Zelândia, a nova estagiária da Ecoa

imagem-dia-viagem-mel

23 de maio, segunda-feira.

D. Maria cuidando de seus jacarés na margem da BR-262

D. Maria cuidando de seus jacarés na margem da BR-262

Cervo do Pantanal na Estrada Parque.

Cervo do Pantanal na Estrada Parque.

20 de maio, sexta-feira.

No assentamento Andalucia, a rigor, ocorre um processo “virtuoso” em que famílias extrativistas cuidam desde a conservação das plantas de cumbaru nas propriedades, até a colocação no mercado, sem intermediação.

No assentamento Andalucia, a rigor, ocorre um processo “virtuoso” em que famílias extrativistas cuidam desde a conservação das plantas de cumbaru nas propriedades, até a colocação no mercado, sem intermediação.

19 de maio, quinta-feira.

O vertedouro de Itaipu visto de cima, no dia 18. Já não "derramava" como no dia 17. (Foto: Alcides Faria)

O vertedouro de Itaipu visto de cima, no dia 18. Já não “derramava” como no dia 17. (Foto: Alcides Faria)

18 de maio, quarta-feira.

Bacia do rio Paraná mandando água. Vertedouro da barragem de Itaipu. Foto de ontem, 17 de maio

Bacia do rio Paraná mandando água. Vertedouro da barragem de Itaipu. Registro de ontem, 17 de maio. (Foto: Alcides Faria)

17 de maio, terça-feira.

imagem-do-dia

Baru, uma riqueza do Cerrado, pronto para venda. Assentamento Andalucia. (Foto: Nathalia Ziolkowski)

16 de maio, segunda-feira.

Jane da Silva, da comunidade do Paraguai-Mirim, recebe um macacão do Ministério do Trabalho (MPT) para coletar iscas. Vida nova.

Jane da Silva, da comunidade do Paraguai-Mirim, recebe um macacão do Ministério Público do Trabalho (MPT) para coletar iscas. Vida nova. (Foto: Sérgio Massao/MPT)

13 de maio, sexta-feira.

Serra do Amolar vista desde a chegada do São Lourenço no rio Paraguai.

Serra do Amolar vista desde a chegada do São Lourenço no rio Paraguai. (Foto: Arquivo Ecoa)

11 de maio, quarta-feira.

Carol Campos (4 Cantos do Mundo) e Amália Souza (Fundação Casa) no rio Paraguai. (Foto: Arquivo/Ecoa)

Carol Campos (4 Cantos do Mundo) e Amália Souza (Fundação Socioambiental Casa) e o rio Paraguai na alma para sempre. – Foto: Arquivo Ecoa

10 de maio, terça-feira.

CIMG4744

Em busca do arroz selvagem do Pantanal.

CIMG4757

09 de maio, segunda-feira.

Catarina Guató e seu minucioso trabalho com aguapé

Catarina Guató e seu minucioso trabalho com aguapé

06 de maio, sexta-feira.

Seu Adolfo - A essência pantaneira. Nasceu e cresceu na Vila Amolar, onde é vizinho da Ecoa. Reservado, mas contador de histórias como a do dia em que, ainda menino, foi tomar banho no rio Paraguai e as piranhas o atacaram e tiraram uma lasca do seu traseiro.

Seu Adolfo – A essência pantaneira. Nasceu e cresceu na Vila Amolar, onde é vizinho da Ecoa. Reservado, mas contador de histórias como a do dia em que, ainda menino, foi tomar banho no rio Paraguai e as piranhas o atacaram e tiraram uma lasca do seu traseiro. (Foto: Arquivo Ecoa)

seu-adolfo-

05 de maio, quinta-feira.

Um ninhal na baía do Burro, no Parque Nacional do Pantanal. Vários jacarés estavam embaixo da árvores à espera de queda dos filhotes.

Um ninhal na baía do Burro, no Parque Nacional do Pantanal. Vários jacarés estavam embaixo da árvores à espera da queda dos filhotes. (Foto: Arquivo Ecoa)

04 de maio, quarta-feira.

porto-vale-rio-doce

Não, esta não é uma cena de Mad Max ou de Waterworld. Na verdade é um porto da mineradora Vale do Rio Doce no rio Paraguai. Note que no canto direito inferior sujam a água do rio com restos de minérios.

03 de maio, terça-feira.

Barcos da Ecoa e da Universidade Federal do MS saem de Corumbá em direção à Serra do Amolar. Ao fundo o rio Paraguai em tempo de águas altas, transportando camalotes. Muitos irão bater no rio da Prata.

Barcos da Ecoa e da Universidade Federal do MS saem de Corumbá em direção à Serra do Amolar. Ao fundo o rio Paraguai em tempo de águas altas, transportando camalotes, muitos dos quais irão bater no rio da Prata e no Atlântico, em uma viagem de mais de 2 mil quilômetros.

02 de maio, segunda-feira.

O doutor em Botânica, Geraldo Damasceno e pesquisadores da UFMS, colhem o arroz do Pantanal.

O doutor em Botânica, Geraldo Damasceno e pesquisadores da UFMS, colhem o arroz do Pantanal.

arroz-damasceno

arrozais-pantanal-1

arrozais-pantanal

arroz

Para não esquecer

Para não esquecer

29 de abril, sexta-feira.

Comunidade de assentamento assina termo de entrega de materiais do projeto Ciência Cidadã

Mauricio assina os termos de recebimento dos materiais do projeto Ciência Cidadã em sua propriedade (Foto: Viviane Nacagava)

28 de abril, quinta-feira.

imagem-dia

27 de abril, quarta-feira.

As belezas do Pantanal e da cidade de Corumbá são destaques da série Brasil Visto De Cima, transmitida pelo canal Globosat. Neste ano o Programa mostrou as novas e deslumbrantes visões das paisagens do Mato Grosso do Sul.

22 de abril, sexta-feira.

Índia Kadiwéu: Bela, tatuada e do Pantanal (Imagem: Arquivo Ecoa)

Índia Kadiwéu: Bela, tatuada e do Pantanal (Imagem: Arquivo Ecoa)

20 de abril, quarta-feira.

paulo-robson

Foto: Paulo Robson de Souza

19 de abril, terça-feira.

Casa do Marechal Candido Rondon no Porto da Manga, nas margens do rio Paraguai

Casa do Marechal Candido Rondon no Porto da Manga, nas margens do rio Paraguai

Pôr do sol no Porto da Manga

Pôr do sol no Porto da Manga

18 de abril, segunda-feira. imagem-dia-amazonas-agua 15 de abril, sexta-feira.

Pantaneiro colhendo arroz selvagem no Pantanal.

Pantaneiro colhendo arroz selvagem no Pantanal.

14 de abril, quinta-feira.

Bela vazante do Castelo, toda aguada e com uma imensidão de flores e plantas aquáticas. (Fazenda Embiara - Barranco Alto, Pantanal)

Bela vazante do Castelo, toda aguada e com uma imensidão de flores e plantas aquáticas. (Fazenda Embiara – Barranco Alto, Pantanal)

Vazante do Castelo. Florada única, durante a inundação que ainda ocorre. (Fazenda Barranco Alto - Pantanal)

Vazante do Castelo. Florada única, durante a inundação que ainda ocorre. (Fazenda Barranco Alto – Pantanal)

13 de abril, quarta-feira. Pesquisadores do projeto Cachorro Vinagre registraram uma grande família de cachorros-vinagre passeando pela mata e cavando em sua toca, em Nova Xavantina (MT). Confira o vídeo: 12 de abril, terça-feira.

lobo-guará-acidente

Lobo Guará morto no acostamento da BR-267, próximo da divisa entre os municípios de Nova Andradina e Nova Alvorada do Sul (MS).

Lobo Guará morto no acostamento da BR-267, próximo da divisa entre os municípios de Nova Andradina e Nova Alvorada do Sul (MS).   lobo-guará-acidente-1

Local onde o Lobo Guará foi encontrado

A imagem do Google da região conta sobre a causa desta e outras mortes: o desmatamento com a consequente destruição dos habitats.

8 de abril, sexta-feira.

A linda Corumbá / Porto Geral derramando-se ao sol, vista do rio Paraguai (Foto: Acervo Ecoa)

A linda Corumbá / Porto Geral, derramando-se ao sol, vista do rio Paraguai (Foto: Acervo Ecoa)

7 de abril, quinta-feira.

Banido em 2012, após a aprovação do novo Código Florestal, o implemento agrícola, popularmente conhecido como correntão, será liberado para ser usado na abertura de áreas em Mato Grosso.

Banido em 2012, após a aprovação do novo Código Florestal, o implemento agrícola, popularmente conhecido como correntão, será liberado para ser usado na abertura de áreas em Mato Grosso.

6 de abril, quarta-feira.

Carolina se "arrisca' com um mussum no Porto da Manga. Na na época (2007) trabalhava com o Fundo Socioambiental - CASA.

Carolina se “arrisca’ com um mussum no Porto da Manga. Na época (2007) trabalhava com o Fundo Socioambiental – CASA.

Jacaré almoçando um muçum no Pantanal.

Jacaré almoçando um mussum no Pantanal.

5 de abril, terça-feira.

Comunidade da Barra do São Francisco, no Pantanal, prepara colmeias

Comunidade da Barra do São Francisco, no Pantanal, prepara colmeias

4 de abril, segunda-feira.

A grandeza do Aqüífero Guarani

A grandeza do Aqüífero Guarani

Localizando a Bacia do rio Paraná na América do Sul.

Localizando a Bacia do rio Paraná na América do Sul.

As sub-bacias do rio da Prata.

As sub-bacias do rio da Prata.

1 de abril, sexta-feira.

Iasmim e Juliano - no rio Paraguai, em Porto Morrinho. Ela estudante de comunicação e ele o arquiteto que coordenou a elaboração do Projeto Casas Adaptadas para comunidades no Pantanal. Iasmim prepara um trabalho para divulgação. (Foto: Bruno Pasello)

Iasmim e Juliano no rio Paraguai, em Porto Morrinho. Ela é estudante de comunicação e ele é o arquiteto que coordenou a elaboração do Projeto Casas Adaptadas para comunidades no Pantanal. Iasmim prepara um trabalho para divulgação. (Foto: Bruno Pasello)

Mandioré, Gaiva e Uberaba (nessa ordem de baixo para cima).  No centro da imagem do Google Earth três grandes lagoas no lado Oeste do Pantanal, onde o rio Paraguai, chegado de sua passagem espalhada pela Estação Taiamã e o Parque Nacional do Pantanal, vai ao encontro da bela Serra do Amolar.

Mandioré, Gaiva e Uberaba (nessa ordem de baixo para cima). No centro da imagem do Google Earth três grandes lagoas no lado Oeste do Pantanal, onde o rio Paraguai, chegado de sua passagem espalhada pela Estação Taiamã e o Parque Nacional do Pantanal, vai ao encontro da bela Serra do Amolar. (Imagem: Google Earth)

31 de março, quinta-feira.

bruno-pasello-15

Rio Paraguai (Foto: Bruno Pasello)

30 de março de 2016, quarta-feira.

PantanalMonet

Monet e o rio Paraguai – a sensação de “estar” na tela.

29 de março de 2016, terça-feira.

Serra do Amolar, 2009

Serra do Amolar, 2009 (Foto: Silvia Santana/Ecoa)

28 de março de 2016, segunda-feira.

Em Londres fotógrafo mostra também o outro lado do Pantanal - o desmatamento. No centro uma lagoa "secada"

Em Londres o fotógrafo Mustafah Abdulaziz mostra também o outro lado do Pantanal – o desmatamento. No centro uma lagoa “secada”

Gado no Pantanal da Nhecolândia (Imagem: NASA)

Gado no Pantanal da Nhecolândia (Imagem: NASA)

Compartilhar: