Menu
Receba novidades no seu email

Abelha-jataí é polinizadora de flores e produz mel rico em antibacterianos

Conhecida por possuir ferrão atrofiado, a espécie vive em colônias formadas por abelhas operárias

(Foto: Giselda Person)
Publicado em 12 de julho de 2017 às 20:15 Compartilhar:

A abelha-jataí (Tetragonisca angustula) faz parte do grupo de “abelhas indígenas sem ferrão”, por possuir o ferrão atrofiado.

A espécie vive em colônias formadas por muitas abelhas operárias, responsáveis não só por sua construção e manutenção, mas também pela coleta e processamento do alimento. Isso sem falar da defesa do território e do cuidado com a prole.

Há uma rainha que reina soberana. Aos machos cabem algumas tarefas dentro da colônia, além de fecundarem a rainha. Assim que as crias nascem, eles são expulsos da colmeia.

A maioria das abelhas-jataí se alimenta de produtos obtidos nas flores; sobretudo o pólen na fase adulta.

Além de produzir o mel, que foi considerado um dos mais ricos em antibacterianos, as abelhas são fundamentais para a polinização.

Compartilhar: