Menu

ECOA e Prática Juridica da UFMS atendem a Comunidade de Porto Esperança

Comunidade ribeirinha recebe atendimento.

20161011_091608
Publicado em 14 de outubro de 2016 às 20:54 Compartilhar:

 

Nesta segunda-feira 10/10 aconteceu na comunidade tradicional de Porto Esperança, o atendimento sócio -jurídico a população local, com demandas nas áreas trabalhistas e previdenciárias. Esta foi uma ação conjunta em parceira com a Faculdade de Direito da UFMS (FADIR), através do projeto de extensão Prática Jurídica em Seguridade Social (saúde, assistência e previdência social) e ECOA.

Sob coordenação do professor Aurélio Briltes, o projeto tem um aspeto pedagógico importante na formação de alunos, que vivenciam a realidade in loco, além do ordenamento jurídico, assessorando estes grupos sociais que passam por inúmeras situações de conflito e carências.

A equipe da prática jurídica também contou com a colaboração voluntaria do médico Marcelo Rezende para a realização de atendimentos médicos.

Na ocasião foi fundada a Associação de Mulheres Ribeirinhas do Porto Esperança, que passa a contar com dois grupos associativos como força política local. Esta é uma grande conquista das mulheres ribeirinhas pois evidencia seu empoderamento e renova a luta pelos direitos da comunidade.

 

Compartilhar: